Logo NHL Brasil

Hoje é dia de falar de um jogador que foi embora a pouco tempo, mas que deixou saudade para a torcida dos Canucks: Daniel Sedin

10-09-2019 | Publicado por: Caique Tomiya

CONTAGEM REGRESSIVA - 22 DIAS PARA A TEMPORADA!

Daniel foi draftado pelos Canucks como a 2ª escolha geral do Draft de 1999. Ele e o irmão Henrik impressionaram o GM dos Canucks que estava determinado a levar os irmãos para Vancouver. E assim o fez! Após uma tremenda “engenharia”, Brian Burke fez o Draft que mudaria para sempre a história do Vancouver Canucks.  

Daniel fez sua estreia na NHL na temporada 2000-2001, quando atuou em 75 partidas, anotando 34 pontos (20G - 14A) e ficando em 8º lugar na corrida pelo Calder Trophy. Nas duas temporadas seguintes, o jogador manteve um desempenho similar, sempre acompanhado do irmão Henrik, que mantinha números muito parecidos. A partir da temporada 2005-2006, Daniel e o irmão subiram o nível e passaram a se destacar entre os maiores pontuadores da liga, o que culminou na incrível temporada 2010-2011, em que os irmãos levaram o Canucks até a final da Stanley Cup, onde saíram saíram derrotados pelo Boston Bruins em 7 jogos. Naquele ano, Daniel venceu o atual Ted Lindsay Award e o Art Ross, de maior pontuador da temporada, tendo ainda sendo o 2º mais votado para o Hart Memorial Trophy. Nos anos seguintes, Daniel e o irmão sofreram para manter a regularidade em suas atuações, tendo ótimos lampejos em alguns momentos, como na temporada 2014-2015.

Ao fim da temporada 2017-2018, os irmãos anunciaram sua aposentadoria da NHL e o último jogo não poderia terminar de forma mais emblemática: Passe de Henrik e gol de Daniel Sedin na prorrogação para dar a vitória aos Canucks na última jogada perpetuada pelos ídolos em Vancouver.



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as para saber o que é impróprio ou ilegal.